Como fazer uma pregação: 5 Simples Passos para um excelente sermão

Você precisa montar uma pregação e não sabe por onde começar? Acredito que você chegou no lugar certo, hoje vamos aprender em apenas 5 simples passos como desenvolver uma mensagem do início ao fim, passo-a-passo.

Incrível como montar uma mensagem as vezes parece tão complicado, mas calma, eu quero realmente te ajudar com o nosso estudo aprofundado ao qual está lendo. Vamos dessa vez, descomplicar sua vida.

Geralmente, essa dificuldade de como montar ou elaborar um sermão, é mais comum entre aqueles que está começando no ministério de pregação, ou recebeu uma oportunidade inusitada de pregar a Palavra de Deus (o que não deixa de ser um começo).

Eu mesmo (Felipe Bernardino), sofri muito no início do meu ministério para desenvolver mensagens bíblicas, mas, com o passar do tempo você vai criando uma habilidade única desenvolvida em sua vida pelo Espírito Santo do Senhor.

Hoje até já cheguei a escrever um livro, falando sobre como desenvolver uma mensagem, nele eu escrevi um conteúdo mais aprofundado ainda do que esse estudo que você está a ler, se quiser fazer o download grátis, basta clicar aqui!

Contudo, posso te dizer que depois dessa artigo, vai facilitar e tanto a sua vida. Vamos clarear seu pensamento, mostrar como deve ser feito para montar uma pregação ao qual o Senhor Deus esteja no centro dela e você consiga seguir os planos e vontade de Deus.

No estudo de hoje, você verá os seguintes passos:

  • Primeiro Passo: Oração.
  • Segundo Passo: Estudo.
  • Terceiro Passo: Desenvolvimento.
  • Quarto Passo: O grande momento da Pregação.
  • Quinto Passo: Aprenda com os seu erros.

Se você quiser ainda aprender de verdade como ser um Pregador Qualificado, existe um treinamento ao qual eu ensino absolutamente tudo! Você vai tornar-se um pregador da palavra de Deus longe de erros comuns, ao qual muitos deles é possível que você esteja cometendo ou vai cometer, tem um vídeo sobre esse treinamento, acesse clicando aqui.

 

Primeiro Passo: Oração

Logo quando você recebe o convite, a primeira coisa ao qual deve fazer é ir orar. Como assim? Por que orar? É simples irmãos e irmãs, esse deve ser o primeiro passo, pois, é através dele ao qual você vai descobrir a vontade de Deus.

Imagine o seguinte, para quem você vai está falando? Com a igreja. E quem é o Esposo da noiva do Cordeiro? Sim, o próprio Jesus Cristo.

Ele sabe exatamente o que a igreja precisa, Ele sabe aquilo que deve ser ministrado para o seu povo. Aqui entra a importância da oração, pois é só por intermédio dela que conseguimos descobrir aqui que Jesus preparou para sua igreja por intermédio de sua vida.

A oração é tão importante que, Tiago chega a escrever o seguinte:

“E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-a dada.” (Tiago 1.5)

Se porventura você está pensando que, não tem sabedoria suficiente para ministrar, isto é, não sabe aquilo que pregar e nem como pregar, você deve pedir a Deus. E aqui entra uma ótima notícia, ele dá a todos liberalmente.

Mas, para ele ter dar sabedoria sabe o que é necessário? Pedir, ou seja, oração! Você consegue observar simplesmente que, se não tiver oração não funciona.

Aliás, naquele dia que você for pregar, acredito que está desejando o Espírito Santo venha te usar, certo? Para isso é necessário pedir ao Senhor. Leia comigo o versículo abaixo:

“E tudo o que pedirdes na oração, crendo, o recebereis.” (Mateus 21.22)

Se você realmente pedir com fé, não duvidando do que Deus pode fazer, com certeza ele vai te usar no momento da pregação. Entretanto, não confunda “ser usado” imaginando que todos vão alegrar-se, pular em espírito e milagre e maravilhas serem manifestos, pois, isso é da vontade do Espírito Santo, se Ele realmente quiser que aconteça vai acontecer, se não quiser, não vai acontecer.

Ser usado é pregar a Palavra de Deus de forma verdadeira e íntegra, sempre respeitando a Bíblia Sagrada, e essa mensagem pura chegar até o coração de alguém. Isso sim é ser usado.

 

Segundo Passo: Estudo

Agora que você já orou pedindo a Deus uma Palavra, descobrindo a vontade de Jesus para sua igreja. Está na hora de aprofundar-se nos estudos. Reserve o versículo, texto ou passagem que o Espírito Santo acendeu em seu coração, e vá a fundo nos livros.

Nesse passo é importante você se dedicar o máximo possível, pois quanto mais você estudar, mais conhecimento vai conseguir transmitir naquele grande dia.

Já escutei muitas pessoas falando que ficam nervosas no momento da pregação, e isto é realmente uma realidade, eu mesmo até hoje depois de anos pregando a Palavra de Deus ainda sinto aquele “friozinho na barriga”. Porém, uma maneira de amenizar ou diminuir esse “nervosismo” é justamente preparando-se.

Costumo dizer que “nervosismo em excesso é falta de preparo”. Esse preparo, é realizado nesse segundo passo. Você agora está literalmente minando a Bíblia Sagrada em busca de suas pérolas.

Leia livros, artigos (como os publicado no nosso site), comentários bíblicos, veja vídeos e tudo ao qual transmite um conhecimento sobre a Palavra de Deus.

Inclusive, a respeito dos comentários bíblicos, são excelentes ferramentas para os pregadores, pois eles trazem um comentário versículo-a-versículo da Bíblia Sagrada. Isso ajuda você, analisar o texto que vai ser pregado e também o contexto, pois nunca podemos pegar um texto e separar do restante que é o contexto.

Posso até indicar alguns comentário bíblicos bons para você, veja abaixo:

  • Comentário Bíblico Beacon.
  • Comentário Bíblico Matthew Henry.
  • Comentário Bíblico Série Cultura Bíblica.

Esses comentários são excelentes, para aqueles ao qual fazem parte do curso Pregador Qualificado desenvolvido aqui pela Enfoque Bíblico, tem acesso a todos eles como bônus exclusivos, e podem baixar para utilizar quando quiserem. Se você quiser saber mais sobre o curso e esses bônus, clique aqui!

 

Terceiro Passo: Desenvolvimento

Depois de horas em estudo, pode começar a desenvolver sua mensagem. Esse momento é aquele que, você vai organizar todo o conhecimento adquirido em ordem. Geralmente uma mensagem (pregação bíblica), ela tem a seguinte organização:

  • Introdução.
  • Corpo do Sermão.
  • Conclusão.

E eu vou justamente te ajudar a montar uma pregação dessa maneira, vejamos abaixo:

 

Introdução

Este é o momento em que com poucas palavras, você vai chamar a atenção do ouvinte para a pregação. Acredito que esse é um dos passos principais, pois se logo no início da sua mensagem você já não conseguir entusiasmar ninguém, com certeza vai ser bem difícil depois.

Alguns modelos de introduções é:

  • Falar sobre o contexto do versículo que vai ser pregador.
  • Contar alguma história que faz sentido para o restante da mensagem.
  • Explicar com maior clareza algum tema como: Milagres, parábola e assim por diante (claro, tem que ser algo que sua mensagem vai mencionar).

Já vi introduções maravilhosas, de homens que verdadeiramente em poucos minutos fez toda a igreja focar na mensagem. Mas, se você é iniciante, como vai fazer uma introdução maravilhosa? Irmãos e irmãs, pensem sempre o seguinte, tudo se consegue com a prática. O segredo não está em acertar todas as vezes e sim, continuar persistindo.

É importante ressaltar também que, nesse momento são breve palavras para introduzir a mensagem apenas, cerca de 5 até 10 minutos. Existe pessoas que gastam tanto tempo na introdução que, acabam esquecendo do restante da mensagem.

Eu mesmo já cometi esse erro, lembro-me uma vez que fui pregar no Salmos 23, tinha passado 30 minutos e ainda não havia chegado no corpo do sermão, estava apenas na introdução. No final de tudo, acabei não transmitindo a mensagem principal ao qual queria.

Uma coisa que recomendo, porém com cautela, é que você sempre veja algumas pregações no youtube para saber mais como os ministros fazem. Contudo, você não pode copiar eles, apenas é como base para se ter uma “noção”, você deve desenvolver seu próprio modelo de pregação.

 

Corpo do Sermão

Aqui é o momento que você vai gastar mais tempo, no corpo do sermão é aonde você vai transmitir a mensagem principal da pregação. Você vai falar tudo aquilo que precisa falar.

Aproveite cada minuto e segundo para, pregar com toda ousadia e autoridade que Deus te concebe. Lembre-se sempre também de aplicar a mensagem para a vida dos ouvintes, como isso?

Você tem que pregar ensinando e, também mostrar como eles podem pegar aquele ensinamento e aplicar em suas vidas. Por exemplo:

  • Você tem que ter fé como Abraão, quando você estiver diante de uma dificuldade da vida, tenha fé. Se estiver com algum problema em seu lar, tenha fé que Jesus vai resolver.

Dei um exemplo simples acima, mas, é mais para você entender mesmo. No exemplo eu citei a Bíblia e também apliquei a vida dos ouvintes, sempre é importante isso, pois se você não aplicar é possível que muito saiam daquele lugar sem saber que rumo tomar.

Acima de tudo o pregador é alguém que também guia o povo de Deus, devemos chamar as pessoas ao arrependimento, a mudança de vida. Esse é o real propósito da mensagem de Jesus Cristo, ele sempre estava buscando uma transformação interior.

Você não vai ver em nenhum momento Jesus pedindo dinheiro na Bíblia, ou até mesmo, oferecendo casas e carros para aqueles o seguiam. Mas, uma coisa é certa, quem segue ao Cristo, recebe o maior bem que pode existir, a vida eterna.

 

Conclusão

Este é novamente um momento de poucas palavras, porém, você deve ser tão enfático na conclusão, pois ela pode ajudar as pessoas a saírem dali com decisões importantes.

Na conclusão você deve:

  • Terminar sua mensagem.
  • Fazer um convite para a transformação.

Como o próprio nome já diz, você deve concluir a sua mensagem, terminar aquilo que começou. Agora, o que considero como o principal objetivo da conclusão, é o convite que você vai realizar.

Que convite é esse? Simples, chamar as pessoas para uma mudança. As vezes esse convite pode ser feito em um apelo para os pecadores, ou de forma indireta, o jeito em si que é realizado não importa muito, mas é necessário que seja realizado.

Porém, tome cuidado! Eu vejo muitos pregadores que chamam os irmãos á frente do altar, e muitas das vezes não vai ninguém, então só faça isso se realmente sentir do Espírito Santo, pois muitas das vezes pode ficar uma situação chata.

Aliás, é compreensível. Imagine alguém que faz o seguinte convite: Se você estiver em pecado, venha a frente que vamos orar por você. Meus amados, com certeza poucas, ou o mais provável, é que ninguém vá. Isso muitas das vezes pode ser um constrangimento, então peça para as pessoas orarem em seus lugares com Cristo que já é o suficiente!

 

Quarto Passo: O Grande Momento da Pregação

Bom, depois que você já orou, estudo e desenvolveu sua Pregação, está na hora de ministrar ela não é mesmo?

Existe algumas dicas importantes que acredito conseguir transmitir-te sobre esse momento.

É sempre muito importante você ter consciência dos costumes de cada igreja, devemos lembrar que nem sempre você vai pregar em um lugar ao qual conheça, então, sempre respeite o máximo possível o estilo da igreja. Vou explicar melhor o que quero dizer…

Imagine o seguinte, você é de uma igreja ao qual bate palma, e vai ministrar em outra igreja ao qual não tem esse costume. Irmãos e irmãos, não adiante pedir para o povo bater palma, pois muitas vezes vão fazer só por educação e não porque gostam daquilo. Tenha sempre isso em mente.

Outra coisa, a vestimenta ideal é muito boa! Não seja aquele pregador ou pregadora que chama mais atenção com a roupa do que com a mensagem, lembre-se, o brilho no momento da pregação é Jesus e não a vestimenta.

Tome sempre cuidado para não ir de forma extravagante, e pense o seguinte, o que não é extravagante para você, pode ser à outra pessoa, então tome cuidado!

Respeite o máximo o tempo ao qual te deram para pregar, se foi 30 minutos, seja rigoroso com o horário, se foi 15, respeite, isto é, não importa quanto tempo seja você deve respeitar. Já vi pessoas que passaram horas do tempo estabelecido, pode ter certeza de uma coisa, quando esse “pregador” que transcende o horário tornar-se pastor, ele vai saber a responsabilidade que deve ter com o horário.

Porque faço questão de respeitar o tempo? Sabe irmãos, existem pessoas ali naquela igreja que você vai pregar, que pode muitas vezes morar longe, ou até mesmo, as mulheres que tem marido descrente em casa, como elas vão explicar para o marido o motivo de ter chegado tarde? Pense nisso.

A respeito desse grande momento da pregação, existe muitas coisas a se falar, mas, como já disse. Se você quiser realmente aprofundar-se sobre como ser um pregador da Palavra de Deus, pode inscrever-se no nosso treinamento Pregador Qualificado clicando aqui.

 

(Conclusão) Quinto Passo: Aprenda com os Erros

Acredito que, um dos fatores determinantes de ser um pregador da Palavra de Deus é justamente conseguir aprender com os erros. Muitas das vezes vamos se deparar com ele, mas, de forma alguma isso deve ser levado para o lado ruim.

Os erro eles nos ensinam o caminho certo, permita-me eu te contar um dos maiores erros que tive em meu ministério:

  • Comecei a pregar com apenas 16 anos de idade, logo nos primeiros meses recebia diversos convites, até que diante de todos aqueles convite, pela primeira vez fui convidado para ministrar em um congresso (festividade de adolescentes), era novo porém mesmo assim aceitei o convite, achei que estava realmente preparado. Porém, o pior aconteceu, naquele dia eu não consegui pregar da maneira que desejava, a mensagem não foi entregue, suava no momento da pregação como se estivesse em um deserto.

Sabe porque tudo isso aconteceu? Simples, falta de experiência. Não tinha ainda o suficiente para ministrar naquela ocasião, porém, eu aprendi com os meus erros naquele dia e não desisti de forma alguma. Inclusive, esse foi um dos grandes motivos para eu fundar a Enfoque Bíblico, e hoje consigo ajuda pessoas também através do treinamento Pregador Qualificado.

Nunca, nunca mesmo pare no primeiro erro, não importa qual os tamanhos deles, com certeza você consegue vencer isso.

Bom, esse é meu estudo aprofundado ensinando à você como fazer uma pregação em apenas 5 passos. Tenho um último convite para te fazer, porém, só para aqueles que querem aprender muito mais sobre o assunto, eu te convido a assistir esse vídeo (clique aqui), nele vou te falar algumas coisas importantes sobre como pregar a Bíblia Sagrada.

 

. .

12 Respostas: Como fazer uma pregação: 5 Simples Passos para um excelente sermão

  1. Elisabete Cristina Rocha disse:

    Que o Eterno continue te abençoando e usando irmao felipe bençao purawa

  2. Patricia Serrano Silva disse:

    A paz do Senhor,Felipe quero te agradecer pelos estudos maravilhosos que você está fazendo,quero que saiba que para mim está sendo uma bênção, fico muito grata a você pelo seus email está sendo muito valoroso para mim como fazer uma pregação e como montar a pregação e saber tudo relacionado ao nosso senhor, gostei muito dos 5 passos simples para fazer um sermão, agradeço a Deus por tudo e a você,que continue com esse belo trabalho com certeza você está ajudando não só a mim dar os primeiros passos para ser uma pregadora da palavra, mas com certeza várias pessoas que tem esse maravilhoso chamado, Obrigada!

    • Felipe Bernardino disse:

      A paz do Senhor irmã Patrícia, realmente quando leio comentários como o seu me motivam a cada dia mais continuar nesse trabalho, sinto um prazer imenso em pregar a Palavra de Deus e ajudar as pessoas. Deus recompense a sua vida irmão, que Ele te abençoe cada dia mais!!

  3. Antônio Basílio disse:

    Olá Filipe paz do senhor.
    gostei muito do conteúdo
    Que Deus te abençoe

  4. Leanel disse:

    A Paz do Senhor, irmao Felipe! Deus seja louvado pelo talento que ele lhe concedeu de elaborar esses maravilhosos estudos de forma tao clara e objetiva. ja tenho aprendido bastante com eles. Que Deus te abencoe e continue te usando em suas mãos!

    • Felipe Bernardino disse:

      Amém irmão Leanel, fico muito feliz por isso!! Que Deus abençoe sua vida, tudo que ele nos concede é a mais pura graça dos céus.

  5. Imaculada disse:

    A paz do.Senhor irmão,que o Senhor continue abençoando sua vida cada vez mais e te dando sabedoria para poder nos transmitir esses sermões que realmente edifica nossas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *