A cura da mulher encurvada – Estudo sobre libertação (Lucas 13.10-13)

A cura da mulher encurvada – Estudo sobre libertação (Lucas 13.10-13)

Esta mulher, liberta por Cristo do cativeiro de uma enfermidade, na qual Satanás a mantinha presa havia dezoito anos, é um símbolo da humanidade curvada sob o jugo do pecado e da morte espiritual.

Demonstra os atuais dias em que estamos vivendo, onde o errar o alvo tem tomado conta da nossa sociedade. O pecado tornando-se mais prazeroso do que servir ao Senhor em obediência.

Lucas por ser médico e escrever essa passagem, vai nos relatar com detalhes a doença que a mulher enfrentava e como de modo algum podia endireitar-se.

Ele diagnosticou e assim escreveu, porém meu Deus, já tinha feito isso antes mesmo dele, e sabia que ia cura-la.

Vamos aprender que andar curvado não é algo que devemos ter em nossas vidas, quando estamos nessa postura, de forma alguma obtemos uma visão celestial.

Em nome de Jesus, que depois desse estudo você possa se sentir na liberdade de levantar a cabeça e ver aquilo que Cristo tem realmente feito, e irá fazer em sua vida.

Essa mulher, apesar de sofrer de uma enfermidade a dezoito anos, continuou subindo a sinagoga para escutar a palavra. Talvez nos primeiros anos tudo era mil maravilhas, más agora passado dezoito anos, podia ela pensar que não ia mudar nunca.

Mas, mesmo sem esperança, ou quase perdendo ela, Cristo chegou no momento certo. Não devemos cessar de ir ao templo, pois é lá que independentemente da situação Deus tem um mover especial em sua vida.

O Texto que irei tomar por base se encontra em Lucas:

“E ensinava no sábado, numa das sinagogas. E eis que estava ali uma mulher que tinha um espírito de enfermidade havia já dezoito anos; e andava curva e não podia de modo algum endireitar-se. E, vendo-a Jesus, chamou-a a si, e disse-lhe: Mulher, está livre da tua enfermidade. E impôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou e glorificava a Deus.” (Lucas 13.10-13)

Esse estudo, será analisado de acordo com os 5 passos altamente eficaz para um bom estudo bíblico, se você quiser saber mais (eu recomendo!):

 

Jesus ensinava nos sábados

E ensinava no sábado, numa das sinagogas (10). Literalmente “aos sábados”. Bruce acredita que isto significava uma série de ensinos em uma sinagoga, com duração de várias semanas.

Entretanto, a palavra no original grego parece favorecer a interpretação de que se trata de um costume de ensinar no sábado nas sinagogas.

Ensinar nas sinagogas no sábado era um hábito de Jesus durante os primeiros meses de seu ministério, mas há poucos registros desta prática durante o seu ministério na Peréia. Este versículo, portanto, parece indicar que este costume não foi interrompido, embora tivesse a oposição dos líderes judeus.

O que me chama a atenção desse costume de Cristo, é que a Bíblia vai nos revelar em João 1.1 que Ele é a Palavra (grego=logos) e Apocalipse 19.13 diz que seu nome é Palavra de Deus, ou seja, quando ele ensinava no sábado, ensinava sobre Ele mesmo de uma forma ou de outra.

Pois tudo se resumo nEle, sendo assim, as pessoas que o escutava falar da palavra no sábado, além de escutar viam ela em sua frente.

Explicando melhor, além da palavra ser pregada era também manifesta na pessoa de Cristo.

Isso que é um culto bom, quando além de a palavra ser pregada também é manifesta, ou seja, se é pregado sobre milagre, ele acontece porque é manifesto; se pregado sobre batismos no Espírito Santo, acontece porque é manifesto.

Estamos vivendo dias em que a palavra pode até ser anunciada, mas, pouco se vemos dela manifesta (as pessoas até se tornam pregadores, porém, não deixam Deus usar elas da forma correta, foi exatamente isso que falei nesse e-book).

Tem-se cultos de todos os nomes, entretanto, poucos deles conseguimos realmente ver o agir sobrenatural de Deus. Como eu (Felipe), queria estar nos cultos de Jesus.

Sentir algo diferente nos meus ouvidos e olhos, poder contemplar o Criador de tudo na minha frente falando sobre as joias escondidas nas Sagradas Escrituras.

Igrejas, tem se isolado passagens bíblicas para conquistar um público, se esquecendo de mostrar Cristo, manifestar Cristo.

Não adianta temos templos luxuosos, ou pessoas com dízimos altos, se estas adormecem durante a pregação. Tem de se ter amor e pregar a palavra, pois mostra Jesus como realmente ele é, aliás, existe versículos que falam sobre o poder dessa palavra, vejamos:

“Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.” (Mateus 4.4)

“Santifica-os na verdade, a tua palavra é a verdade.” (João 17.17)

“O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar.” (Mateus 24.35)

O culto que Cristo está é diferente, as pessoas que estavam escutando a mensagem dEle naquele dia eram privilegiadas, e foi nesse cenário que aparece a mulher encurvada, ao qual no próximo tópico vamos abordar o seu contexto de vida.

 

O contexto da mulher

Uma mulher que tinha um espírito de enfermidade (v. 11): Doença pode ser o resultado de uma causa física, ou pode ser um golpe de juízo da mão de Deus (por exemplo, quando feriu a criança que a mulher de Urias dera a Davi, e adoeceu gravemente, 2 Samuel 12.15), ou pode ser a opressão de um demônio.

Diz que esta mulher que Cristo curou tinha um espírito de enfermidade (v.11) e que Satanás a tinha preza durante dezoito anos, v.16.

Isso não quer dizer que era mulher dada a qualquer vício ou que servia a Satanás na sua vida quotidiana. Ao contrário, diz que era filha de Abraão (v.16), querendo dizer certamente que era uma serva fiel a Deus. Satanás ainda persegue o povo de Deus, mesmo como afligiu a Jó, na antiguidade.

Convém-nos despertar e repreender esse poder satânico e Deus nos libertará, como libertou a mulher encurvada.

Andava curvada, e não podia de modo algum endireitar-se (v. 11): Passaram-se dezoito longos anos, presa nesta posição, pelo poder do Diabo. É o interesse constante de Satanás, encurvar a vontade e os pensamentos dos homens. Essa mulher não podia absolutamente olhar para cima.

Quantas pessoas andam tão encurvada pelo poder do maligno que não podem olhar para o céu e andam dias após dias fitando o que é terrestre.

Amam o mundo e andam completamente curvadas espiritualmente, pelo hábito de procurar riquezas no lodo desse mundo.

A mulher andara curvada dezoito anos, como árvore torta e já velha, não podia mais se aprumar. Quantas pessoas já andaram tanto tempo curvadas pelo alcoolismo e devassidão, pelo adultério e imoralidade, pelo roubo e interesse próprio, pela contenda e ódio, pela idolatria e fanatismo, que não pode mais se aprumar espiritualmente.

Andar encurvado é olhar para as coisas terrenas, os desejos terrenos as vezes tomam os lugares de “importantes” nas nossas vidas, porém, fazendo isso se esquecemos do essencial.

Não adianta ter o que é importante se o essencial está longe; não adianta ter carro e casa de luxo se Cristo está longe; não adianta ter cargo de destaque em uma empresa se Cristo está longe. Quando colocamos o essencial nas nossas vidas, as coisas importantes vêm automaticamente (Mateus 6.33).

Esta mulher assistia a um culto no sábado, na sinagoga. Se foi ao culto sem saber que Jesus (Jesus ou Cristo, é apenas alguns nomes atribuídos a Ele na Bíblia, fora esse existe pelo menos outros 100) lá estava foi porque tinha o costume de ir ao templo.

Se foi, sabendo, foi prova da sua fé. De qualquer forma, é certo que assistiu ao culto apesar de seu grande sofrimento. Os encurvados devem sempre ir a Jesus como estão.

São dezoito anos subindo ao templo. Quem sabe não começou sua jornada com bastante vigor e com o passar do tempo já não tinha tanta fé como no começo, assim também ocorre nos dias atuais, tem pessoas se desgastando, pensando que já subiram ao templo e nada de mais pode ocorrer, perdem a esperança.

Más aquela mulher mesmo assim continuou indo, nós também devemos subir sempre na igreja, seja qual for a enfermidade ou se só anda encurvado.

Começou até fazer um curso Teológico, mas, ao longo do tempo foi se curvando e perdeu a vontade de estudar a Bíblia. Nesse estudo Jesus está falando justamente com você!

 

O chamado de Jesus

Jesus chamou-a a si (v.12): O texto faz questão de mencionar a compaixão de Cristo em chamar a mulher, o interesse partiu primeiramente dEle. Não existe referência falando que aquela moça conhecia quem era aquele Homem que ensinava, porém, mesmo assim o Homem que ensinava sabia quem era ela.

Cristo constantemente, contempla nosso sofrimento, não no sentido de sentir prazer nele, más sim, de que tudo que acontece em sua vida ele observa bem de perto. Foi assim com:

O texto é tão enfático, diz que Jesus viu ela antes de chamar, ou seja, ele sempre observa a nossa vida. Ele sabe se nos últimos anos se você tem pedido algo, ele sabe se tem subido ao templo sem esperança ou seja qual for o motivo que norteia a sua vida. Ele te ama e conhece cada um de seus passos.

Hoje, esse exato momento que está lendo esse estudo, Deus pode te chamar e falar algo ao seu coração, por isso devemos ficar atentos ao que o Mestre quer fazer em nossas vidas.

Estás livre da tua enfermidade (v. 12): Estás livre traduz um tempo perfeito do verbo no grego, indicativo de que a libertação é um fato consumado.

E pôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou (v. 13): Quando Jesus chamou a mulher encurvada, apesar de seu próprio corpo ficar voltado sobre si e sem poder aprumar-se de forma alguma, ela conseguiu passar do lugar que ocupava na sinagoga, até onde Jesus estava.

E quando Ele lhe impôs as mãos e proferiu as palavras: Mulher, estás livre da tua enfermidade, vigor e força entraram nesse vulto deformado, até ela ficar em pé, aprumada como qualquer pessoa normal.

Ela pôs sua fé em ação antes de Jesus impor-lhe as mãos. Estava já curada. Restava somente Jesus levá-la à própria manifestação de cura. Muitas pessoas não recebem a benção de Deus porque esperam primeiramente uma manifestação de presença e poder de Deus, que possam perceber pelos sentidos físicos.

Mas, o que vem primeiramente na ordem divina, é crer sem perceber qualquer sinal, então depois, virá a prova de ter fé, e a obra feita por Deus.

Agora os momentos que passava sem uma visão do céu, não ocorreriam mais. Conseguiu observar toda a grandeza de Deus. Não tinha mais pecado ou morte espiritual matando a vida dela, conseguia glorificar a Deus, se de modo algum podia endireitar-se, esse cenário foi mudado para um contexto de felicidade e alegria.

Deus transforma ainda situações, não podemos ficar preso na opressão de Satanás, sem visão do céu. Devemos ter uma vida com coisas sagradas conduzindo ela para alcançarmos a vontade de Deus, seja um verdeiro líder sobre sua história influenciando para alcançar somente a graça de Jesus.

 

Conclusão – Terminou glorificando a Deus

Um novo cântico foi posto na sua boca, o laço do passarinheiro foi destruído por Aquele que veio para curar a todos os oprimidos do diabo (Atos 10.38) e sua alma como um passarinho solto, cantava louvores, a céu aberto, do amor redentor de Deus.

Depois de momentos de frustrações, vem uma alegria gratificante aos nossos corações, com ela bendizemos ao Senhor. Por isso, não fique triste com a situação com que você tem passado, alegre-se com Deus, pois pode ter certeza que Ele vai limpar dos teus olhos todas as lágrimas.

Não ande encurvado igual aquela mulher, erga a cabeça, creia, tenha fé que existe um Jesus, ao qual deu a sua própria vida para que nenhuma enfermidade espiritual te toque. Antes, pelo Consolador temos a oportunidade de se sentir juntos com o Todo Poderoso.

Devemos ser profetas diante de uma geração encurvada, não andando segundo os rudimentos do mundo, segundo pecados e concupiscência, más antes ter o nosso prazer na lei do Senhor e nela meditar de dia e de noite (Salmos 1.2).

Se você gostou muito desse aprendizado da Palavra, pode receber estudos exclusivos agora mesmo no seu celular ou computador, bastar clicar na imagem abaixo falando sobre estudos exclusivos, ou se preferir, clicar aqui (todo apaixonado pela Bíblia deve gostar).

 


Notas que foram utilizadas para consultas e citações:

150 sermões Orlando Boyer – CPAD.

Espada Cortante – Orlando Boyer – CPAD.

Comentário Bíblico Beacon – Volume 6 – Mateus a Lucas.

Série Cultura Bíblica – Comentário Bíblico Lucas.

19 Comments

  1. maria josenice barbosa pires disse:

    muito bom me sinto como tivesse achado um tesouro pois tenho muita vontade de pregar a palavra de Deus mais tenho dificuldade e fico pesquisando aqui ali até formar a pregação da palavra que me foi dada, mas esta semana descobri este estudo e me sinto feliz.Deus abeçoe voces que estão sendo usado por Deus.

    • Felipe Bernardino disse:

      Amém irmã Maria, que benção. Não imagina o tanto que fico feliz com as suas palavras, são de alegria para a minha alma. Que Deus possa prosperar seu ministério ?

    • Rafael Santos disse:

      Amém minha irmã em Cristo digo o mesmo que vc sou novo convertido e estou adorado apalavrado de deus e quando acho uma site assim que ensinava palavra de Deus de uma forma tão claro fico muito gratificante tem mim ajudado muito Gloria deus.

      • Felipe Bernardino disse:

        Amém irmão Rafael, eu fico muito feliz mesmo com seu comentário! Que Deus possa produzir cada dia mais conhecimento em sua vida, Deus te abençoe!!

  2. Olivina Judite Jeremias disse:

    louvado seja Deus,
    excelente estudo. sinto-me abencoadissima
    Deus abencoe rica e poderosamente

  3. maria josenice barbosa pires disse:

    irmão Bernardino estou triste pois desde o dia 19.04.17 fiz o deposito do curso que queria fazer com voces sobre a pregação da palavra de Deus, mas ate 12.05.17 nãorecebi nada. veja pra mim irmãoo que houve pois fiz conforme o combinado.

  4. wagner disse:

    Glorias a Deus pele sua vida irmão Felipe muito edificante este estudo meu pedido ao Senhor que continue abençoando oseu ministerio e que o irmão continue na humildade

  5. Jonatas de Jesus ferreira disse:

    Que texto lindo essas palavras falou profundamente em meu coraçao, chorei muito estou gratificante por td , sentir Deus falar comigo.

    • Felipe Bernardino disse:

      Que lindo mesmo irmão Jonatas, o Espírito Santo te visitou e isso é um motivo de alegria, não é pelo site Enfoque Bíblico, mas sim pela Palavra de Deus que transforma! Deus abençoe sua vida sempre.

  6. Scintilla Nascimento disse:

    Coisa linda a maneira que foi colocada essa Palavra.
    Extraí muita sabedoria e conhecimento através desse estudo.
    Amanhã estarei ministrando sobre essa passagem bíblica, e com certeza com muita ousadia adquirida por esse estudo e principalmente por bondade do Espírito Santo, amigo, ajudador, auxiliador de todas as horas.
    Deus o abençoe cada dia mais!!
    Um forte abraço, fica na Paz de Nosso Senhor 🙌

    • Felipe Bernardino disse:

      Que maravilha Scintilla, que Deus abençoe seu ministério de pregadora do evangelho… Com certeza Deus tem muitas promessas reservadas em sua vida, fica na paz!

  7. Silvanete disse:

    louvo à Deus pela sua vida Felipe Bernardinho
    Muito ótimo esse estudo bíblico para quem está começando seu ministério de pregação é uma boa indicação em nossas vidas

  8. Deus colocou esta passagem em meu coração , e vim pesquisar mais detalhes, e fiquei muito feliz com o estudo, pois muitas coisas confirmaram dentro de mim como o Senhor havia me mostrado, só me faltava detalhes , eu amo estudar os personagens bíblicos, pois retrata muito as nossas vidas , e nossa como Deus fala ao nosso ser. Deus abençoe a cada dia mais vcs acrescentando sabedoria e discernimento. Realizada com o estudo!

  9. VALTER GOMES DA ROCHA disse:

    Glórias a DEUS foi uma bênção.

  10. Eduardo César disse:

    excelente, muito claro, visão ampla

  11. Valdemar disse:

    Foi muito esclarecedor Deus abençoe!!

  12. Renato Ramos disse:

    DEUS em CRISTO JESUS continue abençoando e iluminando vossas mentes com revelações do céu.
    Já preguei nessa passagem e confesso que recebi aqui nesse estudo, riquezas e clarezas da palavra, muito bom estudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PREGADOR QUALIFICADO